quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Gíria portuguesa ilustrada - 3

Altar = Seios femininos [3]
Bilhete-postal ilustrado de fabrico francês, dos meados do séc. XX.

Beber como uma esponja = Ser bom bebedor [3]
Bilhete-postal ilustrado de fabrico português, dos meados do séc. XX.

Cabrito = Homem que costuma dar dinheiro às amantes [4]
Bilhete-postal ilustrado de fabrico português, dos meados do séc. XX.

Cábula = Estudante que não estuda a lição [1]
Bilhete-postal ilustrado de fabrico português, dos meados do séc. XX.

Dormir como um porco = Dormir profundamente [5]
Bilhete-postal ilustrado de editor desconhecido, dos primórdios do séc. XX.

Preto como um tição = Muito preto [2]
Bilhete-postal ilustrado de fabrico português, dos meados do séc. XX.

Preto da Casa Africana = Pessoa que vai muito carregada [2]
Bilhete-postal ilustrado de fabrico português, dos meados do séc. XX.

Seca - Adegas = Bêbado [2]
Bilhete-postal ilustrado de editor desconhecido, dos primórdios do séc. XX.



BIBLIOGRAFIA

[1] - BESSA, Alberto. A Gíria Portugueza. Gomes de Carvalho - Editor. Lisboa, 1901.
[2] - NEVES, Orlando. Dicionário de Expressões Correntes. Editorial Notícias. Lisboa, 1998.
[3] - NOBRE, Eduardo. Dicionário de Calão. Publicações Dom Quixote. Lisboa, 1986.
[4] - PRAÇA, Afonso. Novo Dicionário de Calão. Editorial Notícias. Lisboa, 2001.
[5] - SIMÕES, Guilherme Augusto. Dicionário de Expressões Populares Portuguesas. Publicações Dom Quixote. Lisboa, 1993.