sexta-feira, 31 de maio de 2024

João José Cochofel - Ronda

 




Ronda
João José Cochofel (1919-1982)

Enche os pulmões e canta
a glória de existir,
canta o passado e o presente
e a tua fé no porvir.

Atira ao ar como um foguete
o canto da tua voz.
Música, festa, cacete:
a Terra é de todos nós!

Solta o teu canto, ergue-o
e lança o desafio:
Mundo que liberto queres
de fome, solidão e frio.

Atira ao ar como um foguete
o canto da tua voz.
Música, festa, cacete:
a Terra é de todos nós!

João José Cochofel (1919-1982)


#Poesia Portuguesa - 210

Sem comentários:

Enviar um comentário