terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

A barrística de Estremoz e os provérbios - 1

Procuraremos a partir de hoje, associar provérbios da nossa tradição oral, a exemplares da barrística popular estremocense. Todos os bonecos apresentados hoje, são da autoria das Irmãs Flores.  


COZINHEIRA
A melhor cozinheira é a azeiteira.

MOLEIRO
Muda-se de moleiro, não se muda de ladrão.
LEITEIRO
Não adianta chorar sobre o leite derramado.

COZINHA DOS GANHÕES
Sopa de ganhões, cada três um pão.


MULHER AO POIAL DOS CÂNTAROS
Bebedice de água nunca acaba.

HOMENS NO PETISCO
Comamos e bebamos e nunca mais ralhamos.