sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Setembro, mês das vindimas

SETEMBRO - Iluminura (10,8x14 cm) do “Livro de Horas de D. Manuel I” [Século XVI
(1517-1551)], manuscrito com iluminuras atribuídas a António de Holanda, conservado
no  Museu Nacional de Arte Antiga. Pintura a têmpera e ouro sobre pergaminho.

Setembro tem 30 dias e é o nono mês do calendário juliano e também do calendário gregoriano, utilizado na maior parte do mundo e que foi promulgado pelo Papa Gregório XIII a 24 de Fevereiro do ano 1582, para substituir o calendário juliano.
Em latim, septem significa "sete" e septimus significa "sétimo". Setembro foi o sétimo mês do calendário romano até 46 a.C., data em que Júlio César, reformou o calendário romano, acrescentando dois meses, Unodecembris e Duocembris, no final do ano de 46 a.C., deslocando assim Januarius e Februarius para o começo do ano de 45 a.C. Os dias dos meses foram fixados numa sucessão de 31, 30, 31, 30... de Januarius a Decembris, à excepção de Februarius, que ficou com 29 dias e que, a cada três anos, teria 30 dias. Com tais mudanças, o calendário anual passou a ter doze meses que perfaziam 365 dias.
Setembro era conhecido como "mês das colheitas" no calendário de Carlos Magno. Setembro corresponde em parte ao Fructidor (18 de Agosto a 16 de Setembro – Período dos frutos) e em parte ao Vindimário (22 de Setembro a 21 de Outubro – Período das vindimas), no calendário republicano criado durante a revolução francesa.
Setembro é o primeiro mês do Outono no Hemisfério Norte e o primeiro mês da Primavera no Hemisfério Sul. O Outono começa com o Equinócio de Outono, que em 2012 ocorre a 22 de Setembro. O Equinócio é o instante em que o Sol, no seu movimento anual aparente, cruza o equador celeste. A palavra de origem latina significa "noite igual ao dia", uma vez que nesta data, o dia têm duração igual à noite.
No Hemisfério Norte, Setembro é o equivalente sazonal de Março no Hemisfério Sul.
Setembro começa no mesmo dia da semana que Dezembro de cada ano, porque 91 dias separam Setembro e Dezembro, que é um múltiplo de sete (o número de dias da semana). Nenhum outro mês do ano termina no mesmo dia da semana que Setembro.
Os Signos do Zodíaco que correspondem ao mês de Setembro são:
- Virgem (23 de Agosto a 22 de Setembro).
- Balança (23 de Setembro a 23 de Outubro).
A pedra zodiacal de Setembro é a safira.
Como noutros meses há datas especiais a assinalar em Setembro. Temos Dias Internacionais:
- Dia 3 - Dia da Herança Europeia do Conselho da Europa.
- Dia 8 - Dia Internacional da Alfabetização.
- Dia 8 - Dia da Solidariedade das Cidades Património Mundial.
- Dia 15 - Dia Internacional da Democracia.
- Dia 16 - Dia Internacional para a Preservação da Camada de Ozono.
- Dia 21 - Dia Internacional da Paz.
- Dia 22 - Dia Europeu sem Carros.
- Dia 24 - Dia Internacional da Imprensa.
- Dia 27 - Dia Mundial do Turismo.
Temos ainda datas patrióticas:
- Dia 4 de Setembro (1479). É assinado, em Alcáçovas, entre Afonso V de Portugal e os Reis Católicos Isabel de Castela e Fernando de Aragão, um tratado pondo fim à Guerra de sucessão de Castela (1479-1480) e contendo cláusulas sobre o domínio do Oceano Atlântico por ambos os países.
-  Dia 12 (de Setembro (1383) - D. Fernando cria, na dependência dos municípios, o Corpo de Quadrilheiros, considerado a primeira organização policial em Portugal.
-  Dia 18 de Setembro (1499) - Vasco da Gama entra solenemente em Lisboa, onde é recebido pela Corte, no regresso da sua viagem à Índia.
-  Dia 20 de Setembro (1276) - O médico, professor e matemático português Pedro Julião, também conhecido por Pedro Hispano, é entronizado como papa, em Viterbo na Catedral de São Lourenço, tomando o nome de João XXI.
No calendário Mariano, Nossa Senhora, Mãe de Deus, é honrada com muitos e muitos títulos e festejada ao longo do ano. No mês de Setembro temos:
- Dia 8 – Dia da Natividade de Nossa Senhora.
- Dia 15 – Dia de Nossa Senhora das Dores.
Na religião católica, Setembro é considerado o “Mês da Bíblia”, em virtude de no dia 30 de Setembro os católicos comemorarem o dia de São Jerónimo, considerado o padroeiro dos estudos bíblicos.
Setembro marca também o início do ano eclesiástico na Igreja Ortodoxa Oriental, bem como o início do ano escolar em grande número de países.